quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Coesão textual

Uma vez que a coesão é a manifestação linguística da coerência, muitos se confundem em relação aos dois conceitos. Em suma, a coesão diz respeito aos mecanismos e elementos linguísticos que vão conferir uma lógica de sentido entre as partes do texto. Quando usamos adequadamente esses mecanismos, de forma coesa, obtemos, então, a coerência, que diz respeito ao sentido propriamente dito do texto. Ou seja, a coesão se encontra no âmbito estrutural e a coerência, no âmbito da significação.

Conectivos, por exemplo, são elementos coesivos (ou de coesão). O texto sem conectivos, feito apenas a partir de palavras soltas, não transmite sentido. O texto com conectivos inadequados corre o risco de passar uma ideia errada, diferente da pretendida pelo autor. Daí parte a sugestão de se compor um texto com frases curtas: para não se perder com os conectivos. Quanto maior a frase, mais conectivos ela requer, e mais chances de usar conectivos errados aparecem - significando maior probabilidade de a frase perder sua clareza.

Devemos sempre ser cuidadosos ao unir as orações, de forma a expressar objetivamente nossas ideias. Esse cuidado seria um dos primeiros fatores a caracterizar um bom escritor.
Às vezes escrevemos com pressa, ansiosos para colocar todos os nossos pensamentos no papel, e como resultado, literalmente atropelamos as conjunções que deveriam justamente expor aqueles pensamentos de maneira clara. É por isso que todos os professores chamam a atenção para a necessidade de reler tudo o que escrevemos - preferencialmente, mais de uma vez.

Assim que terminar um texto, leia-o uma primeira vez para se certificar de ter tratado de tudo o que pretendia tratar. Após confirmar que o conteúdo está completo, leia o texto novamente, prestando atenção à estrutura e ao sentido de cada oração. A segunda leitura, idealmente, deve ser feita com certo distanciamento - se você tiver tempo, deixe-a para o dia seguinte ou para dali a alguma horas; no caso de um concurso ou prova, saia para tomar uma água ou ir ao banheiro, respire fundo, e só então a faça. Ela lhe permitirá notar erros menores aos quais não damos muita atenção quando fazemos uma revisão apressada ou com a cabeça cheia.

---
Sugestão: a página Atelier de Redação oferece uma seção de downloads (gratuitos), na qual você pode encontrar diversos exercícios, além de um "Estudo das conjunções" e um "Quadro de conectivos" bem elaborado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário